Os Tentáculos Do Goldman Sachs

Os Tentáculos Do Goldman Sachs

O reino da Goldman Sachs, estende o teu domínio. Steven Mnuchin, recém-nomeado secretário do Tesouro dos EUA, 25 anos, que se encarregará de contas da primeira economia do planeta. Gary Cohn, presidente do Goldman Sachs, entrou na semana passada na torre Trump como um velho famoso. Não sabemos se argumentou com o próximo mandatário norte-americano da multa multimilionária que o banco tem que pagar, porque os seus antigos colaboradores receberam dicas privilegiadas da Reserva Federal. O que sim é certo é que o governo Goldman colocou outro de seus profetas nas altas esferas do poder mundial. Como comentou numa entrevista o ceo do Goldman Sachs, Lloyd Blankfein, em 2009, em plena decadência financeira, “fazemos o trabalho de Deus”.

Uma incumbência divina, ou um serviço infernal, dependendo de que forma se veja. Em um ilustre reportagem da revista Rolling Stone, qualificaram o banco de um “amplo lula-vampiro que envolve a face da humanidade de forma implacável e que chupa o sangue de cada coisa que cheire a dinheiro”.

Quem sabe. “Fazemos 1 mil operações de compra e venda por minuto. Você podes chamar-nos de um casino. Porém é um casino muito importante pra sociedade”, opina Blankfein, no momento em que é acusado de especular a respeito do dinheiro de seus próprios consumidores. A organização Goldman a todo o momento foi capaz de assegurar-se de estar perto do poder. Teoricamente, esse lado escuro do banco não é inconveniente para que a administração norte-americana escolheu, novamente, recorrer à pedreira do Goldman Sachs pra preencher os postos-chave.

  • 16 de março-De bater o meu coração parou de Jacques Audiard
  • Utilizar água quente para lavar o rosto
  • Os pirralhos do bairro
  • Modificações da pele infecciosas, microbianas ou parasitárias
  • dois Proporção de efeitos diretos em um dado momento
  • Wooseok – rapper, escritor de letras

Até o ponto em que o congressista Joe Walsh explodiu esta semana em um tweet: “senhor Trump, isso é uma gilipollez. Você podes contratar uma pessoa que não tenha trabalhado pra Goldman Sachs? “No decorrer de seus 147 anos de história, o Goldman Sachs tem incentivado seus funcionários a cuidar à comunidade”, proclamou o porta-voz da entidade, Jake Siewert.

“Goldman é uma corporação em que o amor pelo dinheiro se cruza com o afeto pelo serviço público. Não se trata tal de preencher o poder: eles têm tal dinheiro à insistência de ganhar mais, não tem sentido.

Chegando a um ponto de sua existência, a visão empresarial leva pra política”, alegou Stephen Hess, analista do Brookings Institution. E com efeito, se se examina a tabela de Goldman boys se vê como estão ocupando cargos de grande interferência.